ARTE – Feira valoriza e fomenta artesanato maringaense

Célia Claudinéia, uma das 21 expositoras, explica que é muito importante a realização das feiras, pois é o “ganha-pão” de muitos artistas.

Do crochê ao biscuit, a feira de artesanato de Maringá, instalada na praça Napoleão Moreira da Silva, mais conhecida como praça das Pernambucanas, segue até 30 de dezembro com muita novidade natalina. O projeto é fruto de ações da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento (Seide) e fomenta o artesanato em Maringá. Conforme decreto, o funcionamento das 21 barracas no local segue horário de comércio, de segunda a sexta, das 9h às 21 horas e aos sábados, das 8h às 18 horas.

Célia Claudinéia, uma das 21 expositoras, explica que é muito importante a realização das feiras, pois é o “ganha-pão” de muitos artistas. O diretor de Turismo, Luiz Fernando Neves, conta que o trabalho é contínuo no sentido de proporcionar o apoio necessário para esse importante segmento. “A ideia é gerar emprego e renda”, explica Luiz Fernando.

Vale lembrar que todas as medidas de combate e prevenção ao coronavírus estão sendo tomadas no local, como a disponibilização de álcool em gel, uso de máscara e distanciamento entre as barracas dos expositores.

Saiba mais:
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico – (Seide) Fone: (44) 3221-1312

 Fonte: Diretoria de Comunicação – Foto: Aldemir de Moraes/PMM.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *