Diálogo com sociedade busca convergência nas ações de segurança

No 4º Batalhão de Polícia Militar, o secretário abordou pontos de convergências de ações de segurança com o comandante da unidade, tenente coronel Ademar Carlos Paschoal, o subcomandante major Fonseca, o comandante da 1ª Companha de Polícia, capitão Giroto, e o 1º tenente Dutra, chefe da seção de Análise Criminal.
Recentemente, a convite do Observatório Social, o secretário de Segurança, Clodoaldo de Rossi, detalhou a integrantes da instituição, as atividades da Guarda Municipal, reiterando preocupação da gestão com ampliação do sistema de monitoramento por câmera.

O secretário municipal de Segurança, Clodoaldo de Rossi, mantém rotina de reuniões com setores ligados à segurança pública para refinar estratégias de prevenção e repressão à criminalidade. No 4º Batalhão de Polícia Militar, o secretário abordou pontos de convergências de ações de segurança com o comandante da unidade, tenente coronel Ademar Carlos Paschoal, o subcomandante major Fonseca, o comandante da 1ª Companha de Polícia, capitão Giroto, e o 1º tenente Dutra, chefe da seção de Análise Criminal.

“Essa interlocução não apenas com órgãos ligados diretamente à segurança, mas também com entidades representativas da sociedade civil organizada, é fundamental para esclarecer dúvidas e definir estratégias conjuntas e pactuadas para preservar a tranquilidade do cidadão”, afirma o secretário. Recentemente, a convite do Observatório Social, ele detalhou a integrantes da instituição, as atividades da Guarda Municipal, reiterando preocupação da gestão com ampliação do sistema de monitoramento por câmera.

Também explicou o andamento do processo para armar a GM, o que deve ocorrer efetivamente a partir de janeiro. “O estatuto da guarda entra em vigor em dezembro, quando também já estarão cumpridas todas as exigências burocráticas para permitir que o agente de segurança ande armado”, disse Clodoaldo de Rossi, referindo-se ao curso preparatório para uso de armas e aos trâmites legais junto à Polícia Federal para obtenção das licenças necessárias.

No 4º BPM, o comando detalhou ao secretário aspectos do trabalho de policiamento, orientado por diagnóstico e análise de informações que permitem construir estratégia técnica de segurança, com precisão e eficiência. “Esse diálogo nos mantém coesos para desenvolver ações conjuntas em defesa do cidadão, sempre tendo em perspectiva as fronteiras das atribuições legais das instituições”, disse o secretário, que ouviu do comando da Polícia Militar elogios pela parceria com a Guarda Municipal.

Fonte: Diretoria de Comunicação/PMM – Fotos: Divulgação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *