RenovaBR abre última chamada para curso de formação política

As inscrições vão até o dia 22 de abril e podem ser feitas de forma totalmente gratuita por meio do site jornada.renovabr.org.
“Onde tiver um brasileiro disposto a renovar a política brasileira, pode ter certeza que o RenovaBR estará lá”, comenta Eduardo Mufarej, fundador do RenovaBR

Processo seletivo é voltado para pessoas comuns que querem ser candidatos ao Congresso Nacional, em 2022

 A escola de democracia RenovaBR deu início as inscrições do Ciclo II do seu processo seletivo para selecionar e qualificar pessoas comuns que querem fazer a diferença em Brasília. O processo, conhecido como Jornada Renova, já reúne inscritos de todos os estados brasileiros e deve formar a próxima turma de alunos para se preparar sobre os desafios do Brasil, liderança e comunicação política nas eleições de 2022.

As inscrições vão até o dia 22 de abril e podem ser feitas de forma totalmente gratuita por meio do site jornada.renovabr.org. Para participar, é preciso ter no mínimo 20 anos, ser brasileiro, estar em pleno exercício de seus direitos políticos, ser ficha limpa e nunca ter sido eleito a qualquer cargo político em eleições gerais ou municipais.

Para o fundador do RenovaBR, Eduardo Mufarej, a seleção dos futuros alunos em meio a tantos milhares de interessados não é tarefa simples. “O trabalho do RenovaBR é algo sem paralelos na história do Brasil. Por isso, mantivemos a busca por aprimorar nosso processo seletivo, garantindo mais equidade e representatividade. Nosso grande sonho sempre foi encontrar uma forma de acolher a todos aqueles que têm desejo de transformação. E o que eu costumo dizer é que onde tiver um brasileiro disposto a renovar a política brasileira, pode ter certeza que o RenovaBR estará lá”, comenta Mufarej.

Em relação aos anos anteriores, o RenovaBR evoluiu e consolidou um processo seletivo mais equalitário. A Jornada Renova une formação cidadã e avaliação em uma plataforma gratuita e que estimula os participantes a avançarem e se desenvolverem durante a própria trajetória. Ao longo de todo o período inicial, não há barreiras ou avaliações eliminatórias. O próprio participante define seu avanço conforme cumpre o cronograma.

O grande diferencial desse processo seletivo na história do RenovaBR é que os participantes adquirem conhecimentos antes de serem avaliados. Irina Bullara, Diretora Executiva da escola, avalia o avanço no processo educacional: “Além de tornar a identificação de talentos mais precisa, a Jornada serve para que os participantes adquiram conhecimento antes de serem testados. Todas as avaliações se baseiam em conteúdos apresentados previamente. Além de mais proveitosa e construtiva, a seleção se torna mais justa porque deixa de ser um retrato do momento e passa a ser o próprio trajeto. Assim, concretizamos nossas premissas e apoiamos a caminhada de futuras lideranças com respeito pelo conhecimento”.

Focado nos desafios do Brasil

O curso terá 10 meses de duração e uma carga horária de 360 horas, divididas entre 160 horas de aulas téoricas e 200 horas de projetos práticos. Serão aulas sobre os desafios do Brasil, liderança e comunicação política com os maiores especialistas do país. Além de todo o conteúdo baseado em dados e evidências, o curso irá desenvolver os participantes em projetos de articulação, captação, comunicação e mobilização.

Para conquistar uma vaga na escola RenovaBR, o interessado deve concluir a Jornada Renova. O processo de seleção é composto por 7 etapas, divididas em 3 fases: apresentação, desenvolvimento e interação. Os interessados devem realizar, por exemplo, atividades como gravação de vídeo e participação de bancas com especialistas regionais. O guia do candidato completo e transparente está disponível no site da instituição.

Outra novidade deste ano é que todos os participantes terão acesso a pílulas de conteúdo sobre temas essenciais da política e atividades a serem realizadas exclusivamente via WhatsApp. Essa é uma forma de interação inédita, gratuita e acessível para mostrar que política se discute sim, com diálogo e respeito à diversidade geográfica, racial, de gênero e pensamentos.

Anos anteriores

 A escola de democracia RenovaBR acumulou quase 50 mil inscritos para as turmas de 2018, 2019 e 2020. Fundada em 2017, a escola tem quase 2.000 alunos formados, sendo 133 alunos em sua primeira turma. Desse total, 17 foram eleitos para o Congresso Nacional e Assembleias Legislativas em 2018. Em 2019 e 2020, o RenovaBR ampliou seu impacto e formou 1.820 pessoas comuns de todos os estados do Brasil e, nas eleições de 2020, 154 alunos foram eleitos para prefeituras, vice-prefeituras e câmaras municipais por 25 dos 33 partidos brasileiros.

Fonte: Giuliana Purchio/Assessora de Imprensa/Caravelas Consultoria
Foto: Divulgação/RenovaBR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *