Eurogarden é apresentado a líderes empresariais da CBIC e investidores

– Painel com o mapa das futuras obras do Eurogarden
Segundo Nogaroli, a primeira torre do Eurogarden começará a ser construída em meados de 2020.
Jefferson Nogaroli explica o projeto para o público.
Engenheiro Claudio Mukai explica o projeto para o visitante
Nicolaos Theodorakis, diretor da empresa Noah, de São Paulo, falou sobre a rua da Moda que será concebida no Eurogarden
Jefferson Nogaroli com o presidente da CBIC, José Carlos Martins
Jefferson Nogaroli com o diretor geral da Sancor Seguros, Leandro Poretti
Jefferson Nogaroli explica o projeto do Eurogarden, em Maringá.
Jefferson Nogaroli explica o projeto do Eurogarden para os visitantes
Jefferson Nogaroli explica o projeto do Eurogarden para o público.

O futuro bairro de Maringá, Eurogarden, foi apresentado a lideranças nacionais do setor da Construção Civil de todo país no último dia 23 de novembro. O evento fez parte da programação do Congresso Nacional de Engenharia, Construção, Tecnologia e Inovação da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Conecti/CBIC), realizado entre nos dias 22 e 23 daquele mês.

O empreendedor Jefferson Nogaroli fez a apresentação do novo bairro. O Eurogarden está sendo construído na região do antigo aeroporto de Maringá, na continuação da avenida Brasil, em uma área de 600 mil metros quadrados.

O evento foi realizado no próprio local do empreendimento, onde inúmeras obras de infraestrutura, iluminação e paisagismo já são uma realidade. O projeto do bairro foi desenvolvido na França e a implantação conta com participação de arquitetos e urbanistas renomados de Maringá, São Paulo, Uruguai e Argentina.

Jefferson Nogaroli destacou que os conceitos de “Smart Cities” (Cidades Inteligentes) e “One Stop Life” (em uma tradução livre, tudo no mesmo lugar), permeiam o projeto. “O principal objetivo é oferecer qualidade de vida para as pessoas. Todos poderão morar, trabalhar, estudar, fazer compras, sem precisar usar o carro. Tudo poderá ser feito a pé ou de bicicleta, apreciando a beleza das áreas verdes que estamos preparando”.

Segundo Nogaroli, a primeira torre do Eurogarden começará a ser construída em meados de 2020. Um dos parceiros da obra, Nicolaos Theodorakis, diretor da empresa Noah, de São Paulo, falou sobre a rua da Moda que será concebida no Eurogarden com madeira, cujo uso é uma tendência na construção civil por ser um material natural, renovável e reciclável.

O empreendimento impressionou o público. O presidente da CBIC, José Carlos Martins, destacou que Maringá é uma cidade de vanguarda e que o Eurogarden consolida a ousadia dos empreendedores locais. Entre as autoridades políticas e empresariais, estiveram presentes o vice-prefeito Edson Scabora; o presidente da Câmara Municipal, vereador Mario Hossokawa; o empresário e ex-prefeito de Palmas-TO, Carlos Amastha e o presidente da Sicredi União PR/SP, Wellington Ferreira.

Pelo setor da construção civil, além de José Carlos Martins, participaram os vice-presidentes da CBIC, Celso Petrucci e Dionyzio Antonio Martins Klavdianos; o presidente do Sindicato da Construção Civil do Noroeste do Paraná, Marcos Mauro Pena Filho, e diversos diretores. O Conecti foi promovido pela CBIC e pelo Sinduscon, com apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional) e Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional).

Texto: Jornalista Dirceu Herrero/RG Comunicação – Fotos: Divulgação/Eurogarden.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *