Gêmeas da Natação são recebidas com festa em Maringá

Vice-prefeito Edson Scabora recepciona as medalhistas maringaenses
Técnico André Yamazaki Pereira e as nadadoras medalhistas
Medalhistas Débora e Beatriz: missão cumprida nos Jogos Paralímpicos de Tóquio
As nadadoras gêmeas Débora e Beatriz Borges Carneiro, 23 anos, voltaram para Maringá depois de conquistarem medalhas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, no mês passado. Elas e o treinador André Yamazaki Pereira, 28 anos, foram recebidos com festa no Aeroporto de Maringá por familiares e amigos. O vice-prefeito Edson Scabora recepcionou as atletas na sala de desembarque.

O reencontro das atletas com a família foi emocionante com abraços, beijos e lágrimas. Débora e Beatriz receberam homenagens, em cartazes e faixas, e buquês de flores. Elas agradeceram a recepção e o carinho da torcida por elas durante as competições.

André Yamazaki também foi bem festejado. Ele recebeu os parabéns pelos resultados depois de tanto sacrifício nos treinos. “Ficamos todos felizes, com a sensação de missão cumprida”, comentou o treinador maringaense. O objetivo deles era subir no pódio, independente da medalha conquistada.

Débora ganhou a medalha de bronze no revezamento 4 por 100 metros livre misto, na categoria classe S14. Beatriz ganhou o bronze nos 100 metros peito, com a marca de 1′17″61. Nesta prova, curiosamente, a irmã Débora chegou logo depois da irmã, em quarto lugar, com apenas dois centésimos de diferença. Por muito pouco as gêmeas não fizeram uma dobradinha maringaense no Japão.

Agora as nadadoras têm 15 dias de férias e voltam aos treinos visando competição estadual em outubro. E iniciam trabalho para o Mundial de Natação que será em junho de 2022, em Portugal.

APOIO –  O técnico André Yamazaki Pereira, 28 anos, também treina a Seleção Brasileira Paralímpica de Natação. As atletas e o treinador pertencem a associações esportivas que recebem bolsas da Secretaria de Esportes da Prefeitura de Maringá. O Município investe em 39 modalidades e apoia 648 esportistas, sendo 89 técnicos e 559 atletas (47 do esporte paraolímpico, sendo seis técnicos e 41 atletas).

Fonte: Andye Iore/Siacom – Fotos: Mileny Melo/PMM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *