Procon multa bancos por falhas no atendimento aos clientes

O Procon de Maringá multou em fevereiro três agências bancárias por falhas no atendimento aos clientes. Os flagrantes foram sobre o Código de Defesa do Consumidor e também sobre o decreto municipal em prevenção ao coronavírus.

Como falha no atendimento preferencial, tempo excessivo de espera, ausência de funcionários para atender e organizar as filas, entre outras situações. As multas somam R$ 488,9 mil para três agências da Caixa Econômica Federal (CEF). “Com a grande demanda, as filas ficam maiores nos bancos. Mas, não pode haver omissão no cumprimento da lei que garante o atendimento preferencial”, explica a coordenadora do Procon, Patrícia Parra.

Foram vistoriadas dez agências de diferentes redes pelos fiscais. O trabalho de fiscalização nos bancos é permanente no Procon maringaense. O órgão de defesa do consumidor tem uma intensa atuação durante a pandemia do coronavírus.

Já foram realizadas diversas pesquisas de preços e fiscalizações de estabelecimentos visando evitar que o consumidor seja prejudicado, inclusive com aplicações de multas em casos flagrados de irregularidades, como em supermercados e na concessionária do transporte coletivo, por exemplo.

O Procon já fez recentemente pesquisas sobre a cesta básica, pescados e está em andamento outra sobre Ovos de Páscoa. Estão na agenda dos fiscais novas pesquisas sobre o preço do gás e sobre o combustível.

CANAIS DO PROCON:

  • Denúncia: (44) 98402-0433
    • Atendimento: 151
    • E-mail: [email protected]
    • Também há atendimento pelo app Procon na Mão

Fonte: Diretoria de Comunicação/Siacom – Foto: Divulgação/PMM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *