Projeto Férias na Biblioteca reuniu mais de 800 pessoas no mês de janeiro

Projeto Férias na Biblioteca reuniu mais de 800 pessoas no mês de janeiro
Biblioteca do Parque das Palmeiras foi campeã de público durante o projeto

No mês de janeiro, o projeto Férias na Biblioteca, da Secretaria de Cultura da Prefeitura de Maringá, ocorreu de forma presencial e recebeu visitantes de todas as idades. Ao todo foram 826 pessoas, sendo 534 crianças, 59 adolescentes e 241 adultos.

A Biblioteca das Palmeiras foi a que mais recebeu público. Ao todo, 466 pessoas conferiram a decoração de dinossauro e as atrações culturais propostas nessa temática. As demais bibliotecas que participaram do projeto – Alvorada, Iguatemi, Mandacaru e Centro – receberam juntas, 360 visitantes.

Com contações de histórias, oficinas e muitas atividades lúdicas, associadas com a literatura, o projeto incentivou a ocupação, pelo público, nas bibliotecas da cidade (sempre com número reduzido de pessoas e seguindo todos os protocolos de segurança, por conta da pandemia de Covid-19).

O secretário de Cultura de Maringá, Victor Simião, reforçou a importância dessa ocupação. “Conseguimos atingir o nosso objetivo de entreter e incluir todos e todas no universo das bibliotecas. Nós temos 140 mil volumes disponíveis nas bibliotecas para empréstimos, e essa é uma forma de trazer novos usuários a esses espaços”.

Projeto Férias na Biblioteca reuniu mais de 800 pessoas no mês de janeiro
Projeto Férias na Biblioteca estimula universo lúdico, principalmente para o público infantil de Maringá

Para a bibliotecária Romi Matos, gerente do Livro, Leitura e Literatura de Maringá, o projeto Férias na Biblioteca atrai público de novas pessoas aos espaços da prefeitura. “É importante ver as pessoas conhecendo as bibliotecas e as novas literaturas, além do novo acervo que a Gestão Ulisses Maia faz questão de sempre renovar ao público maringaense”, disse.

Fonte: João Renato Vilela/Siacom – Fotos: Aldemir de Moraes.