EDUCAÇÃO – Inscrições no SISU 2022 podem ser feitas até esta sexta-feira (18)

Interessados em ingressar em uma universidade pública utilizando a nota do Enem terão apenas três dias para efetivação. Confira dicas importantes ao realizar a matrícula

EDUCAÇÃO - Inscrições no SISU 2022 podem ser feitas até esta sexta-feira (18)
Professor de Física e fundador da Sala do Saber, Alysson Marcelo de Campos

Nesta terça-feira (15) foram abertas as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Milhões de estudantes estarão de olho no programa de estudos em busca de uma das mais de 220 mil vagas em 125 instituições de todo o país. Só em medicina são 88 universidades totalizando mais de 4.300 vagas. O programa é usado para selecionar candidatos a vagas em instituições públicas de ensino superior a partir das notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Os alunos interessados em concorrer a uma das vagas precisam realizar a inscrição até sexta-feira (18). Conforme o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), os candidatos precisam ter participado da última edição do Enem para efetivação da matrícula, mas não como “treineiros” e não podem ter tirado nota zero na redação.

O cronograma divulgado pelo Ministério da Educação (MEC), aponta que o resultado da seleção será divulgado no próximo dia 22. Já as matrículas serão abertas no dia 23 e devem ser efetuadas até 8 de março. A lista de espera para as vagas remanescentes vai ter inscrições de 22 de fevereiro a 8 de março, com anúncio no dia 10 de março.

O professor de Física e fundador da Sala do Saber, Alysson Marcelo de Campos, explica que o Sisu é bastante conhecido por ser confuso e complexo para um aluno sem familiaridade com o processo. “Muitos candidatos acabam perdendo oportunidades de vagas em instituições públicas excelentes por falta de conhecimento. Por isso, a Sala do Saber traz dicas que auxiliam os estudantes a tirar o máximo do Sistema do Sisu e garantir a melhor vaga”, explica.

Confira 5 dicas importantes:

1 – Analisar com antecedência as opções do seu curso

Veja com antecedência todas as opções para o curso ou cursos que você pretende. Analise a quantidade de vagas disponíveis e as notas de corte de anos anteriores. Não esqueça também de pesquisar as notas mínimas exigidas e também os pesos em cada área do conhecimento. Você consegue essa informação no termo de adesão das universidades disponíveis no próprio site do SISU. Crie uma planilha com todas as opções que deseja e veja quanto ficam suas notas em cada uma delas.

Isso vai te ajudar na estratégia de escolha de primeira e segunda opções e também te facilita a acompanhar as notas de corte de todas as suas opções durante o período de inscrição.

2-  Acompanhar as notas de corte todos os dias

O processo de inscrição do Sisu dura poucos dias, são 4 dias de inscrições e, durante esse período, todos os estudantes podem mudar tanto a sua 1.ª como a sua 2.ª opção de curso. Com isso, as notas de cortes podem mudar diariamente, tanto para cima como para baixo.

Uma vaga para a qual você não tinha a nota de corte em um dia pode estar disponível no dia seguinte. No entanto, uma vaga para a qual você tinha nota pode não estar mais lá. Por isso, é muito importante que o aluno entre no sistema do Sisu e confira diariamente as notas de corte, assim poderá mudar as opções caso necessário.

3 – Escolha bem sua 2ª opção

Ambas as opções de cursos são importantes na hora de preencher a inscrição.

Pense muito sobre qual pode ser o 2º curso. Existe alguma graduação que você estaria disposto ou disposta a fazer caso você não consiga a sua 1.ª opção? Converse com a sua família e avalie o lado financeiro de morar em uma outra cidade e pesquise sobre os programas de permanência das faculdades.

Escolher mal a 2ª opção pode acarretar a perda da chance de participar da lista de espera do seu curso de 1ª opção.

4- Acompanhe a sua classificação parcial e lista de espera

Durante o período de inscrição do SISU 2022, o candidato poderá consultar a classificação parcial, porém é preciso ter cuidado, a classificação pode mudar todos os dias.

Estudantes alteram diariamente as opções de cursos e a classificação parcial é somente um indicativo de como estão para o candidato as opções de graduação. O que de fato valerá será o resultado final.

Porém a classificação parcial ao longo das inscrições pode te dar uma dimensão sobre suas chances numa lista de espera. E lembre-se só podem participar da lista de espera os alunos que não forem chamados em nenhuma das opções.

A lista de espera deve ser acompanhada diretamente na instituição que o aluno se inscreveu

5 – Fique por dentro de nossas dicas nas redes sociais e em nossa plataforma.

A Sala do Saber tem uma metodologia única em relação a atividades e provas. Nossos simulados são direcionados por todo tipo de dificuldade, garantindo uma boa pontuação. Em nosso Instagram você pode ficar por dentro de relatos de vários alunos que obtiveram boas pontuações e alcançaram seus sonhos.

O que é a Sala do Saber?

A Sala do Saber é a maior e mais completa plataforma de ensino on-line do Brasil, com 400 mil alunos em todo país. Os principais diferenciais estão na Redação mais completa, Plataforma inteligente, Simulados otimizados, Videoaulas de qualidade, Professores renomados, Inteligência emocional, Orientação profissional, Consultoria pedagógica, Monitoria individual, o melhor Smart Planner e Atendimento com especialista em aprovação.

Além de oferecer a melhor opção para quem quer passar nos vestibulares mais disputados do país, a Sala tem uma função social muito importante e já levou aulas gratuitas para milhares de pessoas em situação de vulnerabilidade. Um dos projetos foi desenvolvido em parceria com a Amazon, levando Português e Matemática para alunos do 8º e 9º anos dos estados de Goiás e Rondônia, além de municípios do Ceará e Espírito Santo.

Fonte: Jornalista Thaís Pismel – Foto: Divulgação/Sala do Saber.