Núcleo de Panificadoras busca fortalecer empresas do setor durante a pandemia

Entre as panificadoras participantes está a Marco's Padaria Gourmet, de Maringá
Dez panificadoras passaram por capacitações e workshops de forma remota e gratuita

Com o objetivo de fortalecer as empresas, principalmente no cenário de pandemia, o Núcleo Setorial de Panificadoras (Nuspan) do programa Empreender, da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim), realizou a primeira edição do Inovapan. O projeto, que teve duração de nove meses, terá uma segunda edição neste ano.

Por meio da contratação da Food Consulting, empresa de consultoria especializada em food service, dez panificadoras passaram por capacitações e workshops de forma remota e gratuita. Além disso, foram realizadas palestras abertas, que chegaram a reunir mais de 40 empresas do setor. Com parceria do Sebrae e 13 fornecedores do setor, o Inovapan abordou quatro frentes: cenário e perspectivas; resultados de vendas e financeiros; indicadores de desempenho; e hábitos e atitudes dos consumidores.

Entre as panificadoras participantes está a Marco’s Padaria Gourmet. De acordo com a proprietária, Márcia Aurélia Costa Rocha, a consultoria foi enriquecedora. “Conseguimos nos comparar em relação ao grupo, ver nossos pontos fracos e fortes. Analisamos segurança, confiabilidade, atendimento e experiência do cliente, e trabalhamos hábitos e atitudes, falando do ‘novo normal’ na área de panificadoras. Foi um momento enriquecedor”, frisa.

Para a gestora da linha Empreendedorismo e Gestão do Sebrae/PR, Regional Noroeste, Patricia Valente Santini, a pandemia pede novas estratégias para o setor. “Vários setores foram mais afetados com a pandemia, entre eles o de alimentação fora do lar, onde as panificadoras se incluem. É necessário rever os modelos de negócios, e trabalhar a fundo para sobreviver e permanecer com perspectivas de crescimento. Por meio dos patrocinadores, tivemos empresas atendidas com metodologias diferenciadas para os negócios. Com isso, conseguimos trazer insumos para tomada de decisões e ajustes das empresas”, frisa.

De acordo com o fundador da Food Consulting, Sergio Molinari, que realizou as consultorias junto às panificadoras, além de analisar o cenário de pandemia, o Inovapan levou em consideração as grandes mudanças e desafios pelo qual o setor de alimentação está passando: hábitos de consumo, diversificação dos modelos de vendas e de operações, transformação digital e outros.

“Historicamente as padarias estão entre os segmentos mais fortes e resilientes do mercado de alimentação e, em que pese esta fortaleza, entendem que poderiam se organizar, num modelo colaborativo, para realizar um projeto que proporciona um avanço em pontos-chaves da gestão. O Inovapan tem como base a capacitação para proporcionar aos empresários a ampliação do acervo de informações para a condução dos negócios. Realizamos estudos junto ao consumidor da região e dos estabelecimentos do projeto, captando percepções, hábitos e atitudes, especialmente impactados pela pandemia. Além disso, discutimos com cada empresário e suas lideranças a situação individual e outros temas de interesse de cada panificadora, como investimentos, comunicação, mix de produtos, precificação, canais de vendas etc”, detalha Molinari.

Os fornecedores que patrocinaram o Inovapan são: Suco Prat’s, RM Food Service, Amiste Café, Bruthi, Bunge, Emulzint, Casa do Confeiteiro, Farinha de Trigo Anaconda, Superlat Queijos e Coferpan, Arilu Distribuidora, Moinho Arapongas e Naturell Citrus.

Fonte: Giovana Campanha/Matéria Comunicação – Fotos: Divulgação/Rede Social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *