Prefeito visita obras de ampliação da pista do aeroporto de Maringá. Investimento é de R$ 81,5 milhões

Técnicos apontam que 40% das obras já foram finalizadas e 80% da terraplanem da nova pista está completa. O investimento é de R$ 81,5 milhões
Prefeito Ulisses Maia faz visita técnica acompanhado da arquiteta Bruna Barroca (Seplan), Albari de Medeiros (Semop), e dos deputados federais Luís Nishimori e Ricardo Barros
Com ampliação de 280 metros, a pista do Aeroporto de Maringá será a maior do Paraná
O prefeito de Maringá, Ulisses Maia e os deputados federais Luiz Nishimori e Ricardo Barros, acompanharam as obras de ampliação da pista de pouso e decolagem do aeroporto de Maringá, nesta sexta 26. Visita técnica aponta que 40% das obras já foram finalizadas e 80% da terraplanem da nova pista está completa. O investimento é de R$ 81,5 milhões. O secretário de Obras Públicas (Semop), Albari de Medeiros, o superintendente do aeroporto, Fernando Rezende, a secretária de Planejamento e Urbanismo (Seplan), Bruna Barroca, o secretário de Serviços Públicos, Antonio Padilha, e o vereador Jean Marques também estiveram presentes.

Com ampliação de 280 metros, a pista será a maior do Paraná (aumento de 2,1 mil para 2.380 mil metros). “Essa é a obra mais importante de Maringá nesse momento. As intervenções também viabilizarão o transporte de carga internacional”, afirmou o prefeito Ulisses Maia. Os deputados federais Luís Nishimori e Ricardo Barros, elogiaram a estrutura e reconhecem que as obras garantirão mais segurança no pouso e decolagem dos aviões.

A reforma está dentro do cronograma em ritmo mais acelerado do que o planejado. A reforma iniciou em novembro do ano passado e tem previsão de entrega em dezembro de 2020. Entre as intervenções, a taxiway na margem da pista principal vai agilizar a manobra de aviões, procedimento que também será facilitado com demolição e reconstrução de novo pátio de aeronaves, entre outras obras complementares.

Além da ampliação do pátio de manobras de veículos, as intervenções também contemplam a revitalização e alargamento da via de acesso de emergência, reforma e ampliação da seção de contra incêndio (SCI), adequação da faixa da pista de voo, pintura da sinalização horizontal, implantação de sinalização vertical, instalação do balizamento luminoso e implantação da rede de drenagem. A obra não interrompeu o tráfego aéreo.

Fonte: Diretoria de Comunicação – Fotos: Mileny Melo/PMM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *