Prefeitura de Maringá representou o Brasil em seminário chinês que reuniu dez países

Além da Prefeitura de Maringá, DB1, GTFoods e Cocamar tiveram oportunidade de fazer apresentações durante o seminário. Também participaram como apoiadores institucionais a Acim e a Sociedade Rural de Maringá.

A Gestão do Prefeito Ulisses Maia deu um passo importante para transformar o município em cidade Classe Mundial e se tornar referência internacional em governabilidade e com potencial exportador ainda maior. Ao lado de Campinas, Maringá foi a representante brasileira em um seminário internacional realizado na cidade chinesa de Dongguan e que atraiu outras nove cidades espalhadas pelos continentes americano, europeu e asiático.

“Quando Maringá conquistou o posto de melhor cidade para se viver por conta de vários indicadores, lançamos o projeto de transformar Maringá numa cidade Classe Mundial. Este seminário foi uma importante oportunidade de apresentar a nossa cidade para o mundo”, comentou o prefeito, na sede da DB1, onde os convidados maringaenses acompanharam o seminário virtualmente.

Na oportunidade, a Prefeitura de Maringá fez ponte para empresas da cidade também iniciarem uma espécie de networking internacional, o chamado bussiness matching.

“Este é apenas o primeiro seminário que possibilitamos abrir espaço para empresas maringaenses com potencial de exportação. Maringá é uma cidade inteligente e novos negócios internacionais certamente são realizados por meio de iniciativas como estas”, disse Marcos Cordiolli, secretário de Inovação, Aceleração Econômica, Turismo e Comunicação de Maringá.

Além da Prefeitura de Maringá, DB1, GTFoods e Cocamar tiveram oportunidade de fazer apresentações durante o seminário. Também participaram como apoiadores institucionais a Acim e a Sociedade Rural de Maringá.

NO MAPA – No seminário, Maringá e Campinas representaram o Brasil, e agentes públicos e empresários das seguintes cidades também participaram: Asan (Coréia do Sul), Holon (Israel), Wuppertal (Alemanha), Tijuana (México), Hartford (Estados Unidos), Ha′apai (Tonga), Pancevo (Sérvia), Barcelos (Portugal) e Kryvyi Rih (Ucrânia), além da própria Dongguan (China).

Fonte: Diretoria de Comunicação – Foto: Mileny Melo/PMM.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *