CPI da Saúde inicia trabalhos solicitando documentação do Executivo

Vereadores que compõem a CPI da Saúde na Câmara de Maringá se reuniram na tarde desta terça-feira (2/6)
Presidente da CPI, vereador Flávio Mantovani: “Solicitaremos documentos para a Saúde e também para o setor de compras da prefeitura"
Para o vereador Sidnei Telles, relator da CPI da Saúde, é importante que haja um cruzamento de informações do próprio Executivo e também do Tribunal de Contas do Paraná

Os vereadores que compõem a CPI da Saúde na Câmara de Maringá se reuniram na tarde desta terça-feira (2/6) para definir os próximos trabalhos a serem realizados pela comissão parlamentar de inquérito que busca investigar as compras realizadas nos últimos doze meses pela Secretaria Municipal da Saúde.

Em um primeiro momento, serão realizados estudos técnicos das planilhas que compõem as compras direta ou por meio de dispensa de licitação no período em que compreende o objeto da CPI, motivada após o secretário da Saúde, dr. Jair Biatto, afirmar – em uso da tribuna da Câmara – que a prefeitura municipal chega a pagar até três vezes mais do que o mercado privado em compras de materiais utilizados pela pasta no enfrentamento ao novo coronavírus.

A convocação de Biatto ou mesmo de outros servidores do Poder Executivo está descartada por ora, conforme afirmou o presidente da CPI, vereador Flávio Mantovani. “Solicitaremos documentos para a Saúde e também para o setor de compras da prefeitura, e eles terão 15 dias para nos repassar as informações requisitadas pelos vereadores que compõem a CPI da Saúde. Depois disso, certamente teremos convocações”, disse.

Para o vereador Sidnei Telles, relator da CPI da Saúde, é importante que haja um cruzamento de informações do próprio Executivo e também do Tribunal de Contas do Paraná, para avaliar se realmente existem irregularidades nas compras da Secretaria Municipal da Saúde.

A expectativa é que a próxima reunião com os vereadores membros da CPI da Saúde e também com servidores que realizam o trabalho de assessoramento ocorra na terça-feira do dia 16 de junho, também às 15 horas, no plenário da Câmara.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Foto: Marquinhos Oliveira/CMM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *